quinta-feira, 30 de agosto de 2007

Como ter idéias e criar sites que podem valer 1 bilhão de dólares - Parte 2

Nesta segunda parte do artigo vou focar nas idéias! Quais tipos de idéia você pode ter para um site? Como deixar você atento para elas? Como enxergar os problemas e as soluções (claro).

No contexto deste assunto, posso dividir as idéias para sites em 2 tipos que vou explicitar a seguir:

- Sites inovadores

Vou começar pelo mais difícil. Ter idéias inovadoras não é algo trivial. Na verdade é bem difícil e muitas vezes vem por a caso, o que dificulta um pouco querer fazer de propósito. Por exemplo, o pessoal do YouTube não o criou querendo ganhar milhões e achando que ele ia revolucionar os vídeos na Web. Mas... Fizeram tudo isso pegando um conceito já existente (assistir vídeo na Web tem faz tempo) mas acrescentando elementos que fizeram a diferença. Ninguém tinha pensado em usar Flash Video (o .flv, lembra?) para fazer os usuários disponibilizarem conteúdo numa comunidade de maneira fácil e rápida. Ninguém tinha pensado em fazer algo assim, um site para disponibilizar vídeos dos próprios usuários. Se alguém pensou antes e não deu certo é por que algo deu errado pelo caminho.

Um outro exemplo muito bom de inovação é o Digg. O site que deixa os usuários mandarem links de notícias e artigos para que sejam exibidos no site. A própria comunidade vota nos links mais "legais" e quanto mais votos, mais perto das páginas principais a notícia chega. Para quem conhece o serviço é comum passar horas vendo os artigos.

- Sites com melhorias em relação aos atuais

Sabendo procurar e prestando atenção, vemos que os serviços que usamos possuem falhas. Desde besteiras que apenas nos irritam ocasionalmente até falta de funcionalidades (features, como queira) que poderiam melhorar muito a experiência do usuário. Olhando ao nosso redor podemos perceber esses problemas e propor soluções para eles. Podemos perceber que algum serviço pode ser estendido além do que ele já oferece, tornando-o mais versátil e útil.

Um bom exemplo é o Facebook uma rede social que nasceu bem modesta mas que hoje já ameaça o gigante MySpace. A premissa dela é a mesma de outras redes sociais como o próprio MySpace e o Orkut mas ela vai além, oferecendo uma gama muito grande de possibilidades para customizar o seu Perfil com aplicativos (widgets) desenvolvidos para o serviço. Além disso, o site possui uma interface bem limpa e simples diferente da zorra que são os profiles no MySpace por exemplo.

- Eu não sou gênio! Como posso pensar num site novo?

Você pode tanto ficar batendo a cabeça querendo pensar numa idéia totalmente original quanto sair correndo atrás de defeitos nos sites. Mas essas não são as melhores maneiras de criar algo.

Primeiro, FIQUE DE OLHO em tudo! Se alguém te indicar um novo site, mesmo que não te interesse tanto, dê uma olhada e teste as funcionalidades. Faça isso sempre que aparecer um novo serviço, teste e use tudo que puder. A intenção é você sempre ficar por dentro do que há de bom e novo na Web. Só assim você vai poder ter noção do que está acontecendo, e consequentemente, do que está faltando.
Além de se manter informado, é preciso prestar atenção nos seus costumes. Veja se você sente falta de alguma funcionalidade ou se irrita com uma besteira que implementaram de um jeito estranho. Juntando todas essas pequenas coisas, esses detalhes, você pode ter um número de idéias suficientes para criar um site novo que rivalize com o original. Vale lembrar também que em muitos casos é bom verificar se não há um outro foco do serviço que pode ser explorado. No caso do Facebook, por exemplo, ele foi destinado originalmente para ser usado pelos universitários americanos, um foco diferente de outras redes sociais tradicionais. Depois disso acabou tornando-se popular em todo o mundo.

Para ter uma idéia completamente original, é um pouco mais difícil e como falei anteriormente pode ser necessário uma dose de sorte. Imaginação nunca é demais, deixa-a livre para pensar em todas as idéias possíveis. Seguindo as sugestões anteriores você também pode, eventualmente, cruzar com alguma idéia inovadora. Quem sabe num belo dia você não diga: "Queria fazer isso na Web, mas não tem nenhum site que o faça". Nesse dia você pode ter a idéia para um site novo e bom que pode, eventualmente, deixá-lo rico.


Na próxima e final parte deste artigo vou comentar algumas dicas para você fazer a sua idéia ser levada a sério, tirando-a do papel e levando para os navegadores. Até la!


Leia a primeira e a terceira parte do artigo:
Como ter idéias e criar sites que podem valer 1 bilhão de dólares - Parte 1
Como ter idéias e criar sites que podem valer 1 bilhão de dólares - Parte 3

3 comentários:

Andre Santos disse...

Ótimo post. Apesar das boas idéias, nem sempre é muito facil por em prática! Por isso que ficar rico não é tão facil assim...

Felipe Hummel disse...

É né... Mas não custa tentar! hehehe
No próximo artigo vou dar umas dicas pra não deixar as boas idéias apenas no papel.

LOBO disse...

hmmm... otima postagem! mas fica rico no é a minha intenção so quero ter uma ideia para facilita os meus clientes