segunda-feira, 19 de novembro de 2007

Proteção Anti-SPAM: Hotmail muito ruim? Gmail muito boa?

Faz tempos que adotei o Gmail como meu e-mail principal além de leitor (nunca me acostumei com Outlook e Thunderbird). Também possuo uma conta antiga no Hotmail, que praticamente não uso. Hoje fui abrir ele para dar uma limpada e me deparei com a situação abaixo:

Sim. Uns trocentos e-mails de SPAM na minha caixa de entrada e apenas 3 (os marcados) não eram lixo. Na pasta de "Lixo Eletrônico" havia apenas 14 e-mails, irônico, hein?

Já no Gmail a situação é bem diferente. Recebo, por semana, no máximo uns 2 e-mail com SPAM, o resto vai todo direto para a pasta certa. Mas vale uma ressalva, eu já encontrei algumas vezes e-mails "normais" na caixa de SPAM do Gmail. Um era inclusive uma resposta do Augusto do Efetividade.net. Vai entender né?

Fica a dica: olhem sua caixa de SPAM no Gmail.

Fica a pergunta: por que alguém ainda usa o Hotmail?

3 comentários:

Glaydson disse...

Certa vez ouvi uma garota na faculdade que não tinha e-mail porque as vezes ela passava mais de 2 meses sem acessar (acredite) e perdia a conta. Nunca passou pela cabeça dela existir uma conta de e-mail que não fosse hotmail.

Silveira Neto disse...

rapaz, eu não entendo porque usa hotmail, a interface e os filtros são horrorosos. Eu já vi um caso numa seleção de currículos de emprego em TI que o cara descartava todos os currículos que tivessem hotmail como email! :o lol

Felipe Hummel disse...

Isso aí já foi uma medida um pouco mais radical. Mas que hotmail é meio fraquinho, isso é.